01/09/2016 // 19:00

Allard Van Hoorn

performance

Allard Van Hoorn //036 URBAN SONGLINE [A GREENHOUSE SONARIUM] // ESTUFA CIRCULAR

 

> Desde o jardim que abriga a estufa circular, podemos ouvir muitos aspectos que definem a cidade: a ponte remota fazendo a ligação com o "exterior", os buzinas dos barcos no rio que representam o 'outro lugar' e os pássaros semi-remotos, os carros, os comboios que representam a 'memória'. Allard van Hoorn trará esses sons para dentro da estufa, serão transformados, amplificados e interpretados por bailarinos locais. O guião desta performance inclui a memória, a emoção e a reacção às propriedades físicas do espaço da estufa, envolvida pela cidade e a sua história.  A estufa é então a metáfora para o "Sonarium"; a experiência total do som. Com os bailarinos, Allard van Hoorn irá compor o interno e externo, consciente e subconsciente, o corpo-memória-movimento do espaço sonante.

 

Allard van Hoorn trabalha com performance, som e instalação enquanto procura reflectir sobre a nossa relação com as paisagens urbanas e os nossos sistemas de classificação. Allard investiga relações com o ambiente através das perspectivas da arquitectura, design, música e dança. Ele traduz visual, acústica e espacialmente o nosso uso e percepção das cidades e da natureza, questionando preconceitos e experiências dos espaços em que vivemos e trabalhamos. Através do mapeamento e subsequente re-ordenação de rituais, regras e rotinas embutidos em edifícios e espaços públicos, ele permite a reinterpretação da sua forma e função, tendo em conta a impossibilidade inerente de fazer uma descrição completa do nosso mundo através de sistemas artificiais. É o fundador da Plataforma de Investigação Urbana (Platform for Urban Investigation), um centro de pesquisa interdisciplinar nómada que investiga ambientes urbanos em vários locais do mundo, cooperando com arquitectos, designers, coreógrafos, músicos e artistas visuais.

 

O trabalho do holandês Allard van Hoorn tem sido exibido em bienais em cidades como Istambul, Shenzhen e Gwangju. O seu trabalho também foi mostrado em vários Centros de Arte, Galerias e Centros de Arquitectura em vários locais do mundo. Atualmente colabora com o OfficeUS, a participação oficial dos Estados Unidos na Bienal de Veneza de Arquitectura e ensina na Architectural Association, em Londres. <

 

WEBSITE

www.allardvanhoorn.com

Allard Van Hoorn //

036 URBAN SONGLINE
[A GREENHOUSE SONARIUM]
// ESTUFA CIRCULAR

 

 

> Desde o jardim que abriga a estufa circular, podemos ouvir muitos aspectos que definem a cidade: a ponte remota fazendo a ligação com o "exterior", os buzinas dos barcos no rio que representam o 'outro lugar' e os pássaros semi-remotos, os carros, os comboios que representam a 'memória'. Allard van Hoorn trará esses sons para dentro da estufa, serão transformados, amplificados e interpretados por bailarinos locais. O guião desta performance inclui a memória, a emoção e a reacção às propriedades físicas do espaço da estufa, envolvida pela cidade e a sua história.  A estufa é então a metáfora para o "Sonarium"; a experiência total do som. Com os bailarinos, Allard van Hoorn irá compor o interno e externo, consciente e subconsciente, o corpo-memória-movimento do espaço sonante.

 

Allard van Hoorn trabalha com performance, som e instalação enquanto procura reflectir sobre a nossa relação com as paisagens urbanas e os nossos sistemas de classificação. Allard investiga relações com o ambiente através das perspectivas da arquitectura, design, música e dança. Ele traduz visual, acústica e espacialmente o nosso uso e percepção das cidades e da natureza, questionando preconceitos e experiências dos espaços em que vivemos e trabalhamos. Através do mapeamento e subsequente re-ordenação de rituais, regras e rotinas embutidos em edifícios e espaços públicos, ele permite a reinterpretação da sua forma e função, tendo em conta a impossibilidade inerente de fazer uma descrição completa do nosso mundo através de sistemas artificiais. É o fundador da Plataforma de Investigação Urbana (Platform for Urban Investigation), um centro de pesquisa interdisciplinar nómada que investiga ambientes urbanos em vários locais do mundo, cooperando com arquitectos, designers, coreógrafos, músicos e artistas visuais.

 

O trabalho do holandês Allard van Hoorn tem sido exibido em bienais em cidades como Istambul, Shenzhen e Gwangju. O seu trabalho também foi mostrado em vários Centros de Arte, Galerias e Centros de Arquitectura em vários locais do mundo. Atualmente colabora com o OfficeUS, a participação oficial dos Estados Unidos na Bienal de Veneza de Arquitectura e ensina na Architectural Association, em Londres. <

 

WEBSITE

www.allardvanhoorn.com